• Contato Instituto do Luxo

Revenda de Luxo



Você já ouviu falar no termo “Luxury Resale” ou ``Revenda de Luxo''?


O Luxury Resale é a venda de um item de Luxo usado, mas em perfeitas condições.


De acordo com um relatório emitido pela Thredup neste ano, o mercado de revenda de luxo teve um crescimento significativo em sua receita e a expectativa é que cresça em até 126%, atingindo US $ 82 bilhões nos próximos 4 anos.


O relatório foi elaborado com os usuários ativos da plataforma. Para 70% dos consumidores, o avanço da tecnologia foi um grande facilitador da compra de revenda de luxo. E mais de 50% desses consumidores já revenderam algum item.


Em 2011, somente 4% do guarda-roupa dos entrevistados possuíam algum item de revenda, 9% em 2021 e 18% é a expectativa para 2031.


De acordo com os entrevistados, a moda de revenda se tornou muito mais acessível e inclusiva até mesmo do que a moda sustentável. Sendo que 59% dos consumidores consideram mais fácil encontrar preços diferenciados nas plataformas de revenda e 56% tamanhos para todos os tipos de corpo.


Algumas das Marcas de Luxo já entenderam a importância do mercado de revenda e os benefícios que a parceria entre grife e plataforma de revenda pode trazer para as marcas, as plataformas, consumidores e até mesmo o meio ambiente.


Grifes como Stella McCartney e Burberry já possuem parceria com a TheRealReal, uma plataforma de revenda online. A Stella McCartney e a Burberry incentivam os consumidores a revenderem seus produtos na plataforma e em troca oferecem condições exclusivas para quem participa da campanha. O mercado teve uma aceitação tão grande por parte dos consumidores que 25% dizem considerar comprar produtos de segunda mão mesmo se os preços dos produtos aumentarem.


Assim como as marcas e os consumidores, os executivos do varejo também estão tendo um retorno positivo ao oferecer mercadoria de second hand, tanto que 88% desses executivos dizem que tiveram um aumento em sua receita.


O cenário do Mercado de Revenda tem se tornado cada vez mais positivo e as expectativas são extremamente altas, mas nem todas as marcas de luxo ainda possuem uma parceria com alguma plataforma de revenda.