• Instituto do Luxo

História das Marcas: Alexandre Birman


Alexandre Birman, atual CEO da Arezzo e fundador da marca de sapatos de luxo “Alexandre Birman”, começou sua carreira na pequena fábrica de calçados de seu pai, em Minas Gerais.


Alexandre aprendeu o ofício com o pai, Anderson, que fundou a empresa da família em 1972, a conhecida Arezzo. Aprender a manusear o couro foi um dos seus primeiros ensinamentos e durante sua juventude ampliou o conhecimento para questões administrativas e logísticas da empresa, como a margem de lucros e o reaproveitamento da matéria-prima.


Com 17 anos, após aprimorar seus conhecimentos na Itália em um um curso técnico de sapateiro, ele decidiu criar sua primeira marca, a Schutz. Em 2019, a Schutz fundiu-se com a Arezzo, estratégia que gerou um aumento significativo na receita da empresa.


Porém, Alexandre Birman queria expandir seu sonho de ter uma loja própria e assim, entrou para o mercado de luxo. A marca que leva seu próprio nome possui calçados com designs mais sofisticados e direcionados para o público com maior poder aquisitivo. Seus calçados exclusivos já receberam prêmios internacionais de design e estiveram nos pés de grandes celebridades como Jennifer Lawrence, Lupita Nyong’o, Julia Roberts e Anne Hathaway.


Além da sofisticação, a marca homônima carrega em seu DNA a brasilidade feminina e a diversidade, utilizando matérias-primas nobres.